Por que não submeter o artigo em mais de um periódico ao mesmo tempo?

09 June 2015  |  Postado em Mundo Editorial Científico   |  Sem Comentário  |  Faça um Comentário

periodico_moreUm pergunta comum entre acadêmicos que estão iniciando sua jornada como autor no universo das publicações especializadas é: por que não posso submeter meus artigos em mais de um periódico ao mesmo tempo? Avaliando o cenário rapidamente, realmente parece algo sem sentido se olharmos a situação pelo ponto de vista do autor. Submeter o mesmo artigo em dois periódicos ao mesmo tempo aumenta sua chances de publicação e acelera o processo, visto que não é necessário aguardar o fechamento de uma avaliação para iniciar outra meses depois. Considerando-se que publicar é preciso e muitas vezes é exigido do pesquisador um número mínimo de artigos publicados anualmente, tudo que possa acelerar este processo é então bem vindo, certo? Este raciocínio é lógico, mas não quer dizer que seja justo se levarmos em consideração um panorama maior que envolve os demais agentes do processo, questões sobre os direitos autorais do artigo e as possíveis consequências desta atitude para o próprio autor.

E se o artigo for aprovado mais de uma vez? 

Diante do raciocínio lógico apresentado acima, você submete seu artigo a, digamos, três periódicos, o que triplicaria suas chances de conseguir publicar. Mas e se o seu artigo for aprovado em dois periódicos ou nos três ao mesmo tempo, o que fazer? Obviamente, você pode escolher em qual periódico deseja publicar e comunicar ao outro ou outros que o artigo foi aceito em mais de uma publicação, porém isso implica dizer que você estará deixando uma lacuna no planejamento editorial das revistas “rejeitadas”, por isso não se pode avaliar essa questão apenas pelo ponto de vista do autor.

A ideia de ter o mesmo trabalho aceito em dois ou três periódicos ao mesmo tempo parece uma ótima validação da pesquisa apresentada, mas implica dizer que, para que estas avaliações fossem concluídas, várias pessoas de cada revista se envolveram no processo editorial e foi montada uma pauta de edição já incluindo seu artigo como de seus respectivos componentes. Ao declinar o aceite de um periódico, você rompe o pacto ético estabelecido ao escolhê-lo para submeter seu artigo e pode comprometer inclusive a data de lançamento da edição, visto que, a depender do caso, o editor terá que procurar outro trabalho para fechar a pauta.

Procura-se um parecerista

Para entender mais profundamente os problemas listados acima, é necessário explicar como funciona o processo de avaliação de um artigo após sua submissão. Os periódicos possuem um corpo editorial fixo geralmente composto pelo editor geral, editores assistentes, revisores e diagramadores –  funções que no Brasil costumam ser realizadas muitas vezes em caráter voluntário, mas que em muitos outros países são remuneradas. Porém, quem avalia os artigos em nenhum destes contextos recebe pela função a fim de não comprometer a idoneidade da decisão editorial. Deste modo, todos os periódicos contam com um corpo de pareceristas que são pesquisadores especializados em áreas e subáreas variadas de conhecimento e que trabalham sempre em caráter voluntário, aceitando ou não avaliar os artigos a depender de sua agenda no momento. Sendo assim, boa parte do trabalho é encontrar especialistas na abordagem específica de cada artigo para avaliá-los, processo que demanda tempo por parte do corpo editorial do periódico, uma vez que é necessário contar com a boa vontade dos pareceristas. Isso explica também porque o processo editorial demanda tanto tempo e porque declinar o aceite é um desrespeito a todos os envolvidos neste processo.

Infringindo regras

Mas é importante também ressaltar que, ao submeter seu artigo a mais de um periódico por vez você não está apenas indo de encontro às boas maneiras acadêmicas: você está infringindo as regras de publicação dos periódicos, que costumam proibir terminantemente este tipo de prática e podem puni-lo com banimento de caráter definitivo. Essa atitude é grave porque, ao optar pela submissão de seu artigo num periódico você está cedendo parte dos direitos autorias de sua produção a este (caso o artigo seja aceito), o que implica dizer que você não pode assumir o mesmo compromisso com um segundo periódico. Além disso, caso tente fazer esta manobra e seja pego, você comprometerá sua imagem no meio acadêmico e também suas chances de publicação futura. Por isso mesmo, vale ter paciência, optando sempre pela via da honestidade acadêmica. E caso queira acelerar suas chances de publicação, o melhor a fazer é investir na escrita de outros artigos e submetê-los simultaneamente, mas cada um num único periódico por vez.

Anterior
10 exemplos de má conduta científica
Próximo
10 perguntas comuns em entrevistas acadêmicas

Escreva seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *