O Google acadêmico é mesmo útil?

google_acadO Google Scholar – cuja versão em português é o Google Acadêmico – é a ferramenta do Google lançada em 2004 como uma grande promessa para agilizar a busca acadêmica de conteúdo no amplo universo de busca do Google. Inicialmente pensou-se que o Google Scholar teria no universo acadêmico o mesmo alcance que o Google tem para o “mundo comum”, acessando bancos de dados do mais variados, porém a ferramenta mostrou-se muito mais limitada do que se poderia imaginar neste sentido. E ainda que o Google Scholar tenha sido aperfeiçoado desde seu lançamento quanto a seu alcance e funcionalidades, fica a pergunta: pode-se confiar nesta ferramenta para indicar conteúdo acadêmico de qualidade sistematicamente?

Reclamações de usuários e frustrações

A resposta … [Continue Lendo]

As consequências de uma pesquisa falha

pesquisa-falhaDiferente da pesquisa deliberadamente fraudulenta – na qual forja-se resultados intencionalmente – a pesquisa falha caracteriza-se por erros cometidos de forma não-intencional e que podem ser de vários tipos e causados por várias razões:

Recorte equivocado: às vezes a pesquisa baseia-se numa lacuna deixada por estudos precedentes, mas se esta lacuna for percebida de forma equivocada originará uma pesquisa falha.

Fontes equivocadas: num caso um pouco semelhante ao anterior, pode-se gerar uma pesquisa falha quando se parte de fontes ou dados cujas informações também são falhas. Neste caso, é importante verificar antes de iniciar a pesquisa se as fontes utilizadas são confiáveis. Portanto, procure não somente as menções sobre a fonte, mas também a própria fonte em si. Muitas pessoas, … [Continue Lendo]

ORCID vs. ISNI: Há lugar para os dois?

orcid INSIMuito conteúdo é produzido no meio acadêmico ao redor e, para fins dos mais diversos – como direitos autorais, pagamento de royalties, compartilhamento de conteúdo em bases de dados, etc. -, este conteúdo precisa ser identificado de forma a evitar ambiguidades. No âmbito dos livros e outras publicações não-seriadas, o identificador único utilizado é o ISBN – International Book Number. Já no caso de periódicos e outras publicações seriadas utiliza-se internacionalmente o ISSN – Standard Serial Number. Porém, diante do rápido crescimento da produção acadêmica e do intenso intercâmbio mundial, ainda existe espaço pra confusões no âmbito da autoria, o que tem levado ao desenvolvimento de identificadores de precisão maior.

O ORCID e a identificação de pesquisadores

Lançado em outubro … [Continue Lendo]