As consequências da fraude acadêmica

fraude_pesquisaA fraude acadêmica é uma preocupação crescente. O interesse por esse tema é motivado pelo considerável aumento no número de artigos retratados em periódicos devido à má conduta dos autores. O contexto atual é propenso ao aumento desse problema, uma vez que há pressão pela publicação em grande volume, além de uma concorrência cada vez mais acirrada por recursos. Tudo isso contribui para o surgimento de truques dedicados a aumentar a quantidade e a relevância da produção. As consequências desse panorama são imprevisíveis e podem se tornar desastrosas.

Falsificação e manipulação de resultados

Assim como na história de Pinóquio, mentir para ganhar vantagens pode originar verdadeiras bolas de neve. A empresa Enron Corporation (companhia norte-americana de energia), por exemplo, manipulou … [Continue Lendo]

O sistema de periódicos de acesso livre é disruptivo?

Sound-triggered High-speed flash picture, using the HiViz Delayed Sound Trigger circuit - various shots using a pump pellet gun, 4/5/09

Fonte: Mindjet

O termo é muito mais conhecido em inglês (disruptive) do que em português e seu uso tem se popularizado principalmente devido a ideia de tecnologia disruptiva. Mas qual o seu significado? Na língua inglesa, disruptivo é o que rompe, desordena ou interrompe o progresso ou a atividade normal de algo. Dentro desse parâmetro, tecnologia disruptiva é aquela que não propõe mudanças revolucionárias, mas que preenche lacunas ignoradas pelas tecnologias anteriores, passando a dominar tais nichos de atuação.

No modelo de Clayton Christensen de inovação disruptiva, a complicação e o alto custo são a situação atual e uma inovação desse tipo surge para transformar o mercado já existente, introduzindo quatro novos aspectos: a simplicidade, a conveniência, a … [Continue Lendo]

O compartilhamento de dados gera conflito de interesses?

share_idea_bannerUma comunidade acadêmica é um grupo colaborativo de profissionais cujo principal objetivo é fomentar o conhecimento. Mas esse modelo tradicional de colaboração tem perdido espaço em um cenário de poucos recursos e altos níveis de competição. Nesse contexto, compartilhar dados é dar munição ao “inimigo”? O compartilhamento implicaria então em conflito de interesses?

Por que compartilhar?

A primeira razão para aderir a essa prática é o benefício à própria pesquisa acadêmica. O compartilhamento de dados trará mais visibilidade para o seu trabalho e poderá facilitar a criação de parcerias com outros pesquisadores.

Outro fator importante é garantir a possibilidade de reprodução da pesquisa, um aspecto indispensável para o desenvolvimento da ciência. Um dos maiores problemas atualmente, principalmente em pesquisas … [Continue Lendo]