Qual deve ser a frequência de publicação?

Cronometro-600x320Atualmente, os níveis de exigência quanto ao número de publicações científicas têm aumentado cada vez mais, seguindo sempre a máxima do “publicar ou perecer”. A publicação é a vitrine, o portfólio de um pesquisador, sem ela é como se não houvesse produção.

Evidentemente, a qualidade do material é tão importante quanto a quantidade e não podemos desconsiderar que certas áreas de pesquisa são complexas e não geram resultados com tanta velocidade. Outro aspecto importante é o “mais do mesmo” – publicação de resultados que soam como repetitivos, uma prática que deve ser evitada.

O fato é que, na prática, a produção é essencial para a carreira do pesquisador e quem avalia essa questão deve manter o bom senso, relacionando a … [Continue Lendo]