Os Desafios do Tradudor na Tradução Acadêmica

03 June 2016  |  Postado em Curiosidades da Linguagem, Dicas, Dicas para Autores, Tradução   |  Sem Comentário  |  Faça um Comentário

studying-on-computer

Você acredita que um dos maiores desafios do tradutor pode ser trabalhar com pesquisas?

Isso acontece porque além de encontrar a equivalência de sentido do questionário, o tradutor precisa induzir o entrevistado a responder de maneira similar a de um entrevistado no idioma fonte. Sem essa equivalência, não há como comparar os dados.

Podemos dizer então que a tradução desse gênero textual vai além da substituição de conceitos. Os exemplos, a interpretação das perguntas e a análise das respostas precisam equivaler à versão original. Para entender a complexidade desse processo, considere as seguintes situações:

Quem deve ser entrevistado em uma pesquisa que aborde a compra de alimentos? Nos Estados Unidos, seria possível entrevistar homens e mulheres (casados ou solteiros), mas em algumas culturas, essa atividade é uma tarefa exclusiva para mães e esposas.

Agora imagine uma pesquisa que trate da necessidade de feedback dos clientes. Apesar de entender esse conceito, muitas pessoas têm ideias diferentes sobre ele. Supervisores norte-americanos, por exemplo, costumam encorajar as respostas do público, absorvendo-as. Já os supervisores franceses tendem a ser mais duros e ignorar essas informações em seus relatórios. Ao mesmo tempo, em culturas asiáticas, o feedback é feito de maneira indireta e até mesmo anônima.

A tradução não se trata apenas da linguagem utilizada, ela também depende do “estilo” e do contexto de comunicação. Imagine dezenas de relatórios sendo enviados para a China por meio de cartas. Um problema a ser detectado seria o modo de endereçar o material, já que se o endereço não for escrito em caracteres chineses, o correio não realizará a entrega.

Antes de criar uma pesquisa, é importante desenvolver um estudo prévio para identificar como será a recepção dos diferentes públicos em relação ao questionário. As pessoas podem reagir de maneiras diferentes dependendo do idioma que utilizam e da cultura local.

Um outro fator que deve ser considerado é o formato da pesquisa. Normalmente, os questionários são desenvolvidos com base em alternativas. Há culturas que não têm o hábito de lidar com esse tipo de entrevista. Cabe ao criador do conteúdo identificar a melhor maneira de abordar seus respondentes.

O ideal é identificar o público-alvo e as melhores estratégias para se comunicar com ele durante o estágio de produção da pesquisa. Só esse cuidado já pode evitar problemas na etapa de tradução e garantir que o questionário seja recebido da maneira desejada.

Anterior
Como conseguir uma bolsas de estudos no exterior?
Próximo
Entendendo a Tradução Técnica

Escreva seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *