Escolhendo o periódico mais apropriado

Esta é uma questão corriqueira na vida dos pesquisadores. É uma pergunta importante, pois o impacto (em termos de circulação, número de leitores e número de citações) que os artigos terão vai depender de onde eles foram publicados.

Escolher o periódico antes da redação do texto e considerar o grau de novidade e relevância da pesquisa é fundamental. Seguem abaixo algumas sugestões de como escolher a revista ideal:

 

Escopo:

  • Verificar se a revista já publicou artigos similares;
  • Ler a descrição de escopo da revista e verificar se o artigo se enquadra nele;
  • Verificar as referências citadas no artigo, pois alguma das revistas pode ser uma possível candidata para submissão.

Qualidade do periódico:

  • Procurar por revistas que sejam classificadas como Qualis B1, A2 ou A1. Evitar as classificadas como Qualis C (procurar a relação Qualis no site da CAPES);
  • Procurar por revistas indexadas no Web of Knowledge;
  • Procurar revistas com fator de impacto (muitas não têm). Geralmente submete-se primeiro para uma revista de fator de impacto maior e, constatada sua recusa, envia-se para uma de fator de impacto menor.

Idioma:

É muito importante que a publicação também seja em inglês para haver maior visibilidade internacional (salvo raras exceções). Editores de revistas científicas procuram trabalhos com resultados inéditos, escritos em inglês claro e conciso e que despertem interesse em seu grupo de leitores. Artigos que abordam temas de maior destaque levam vantagem, pois têm mais chance de serem citados em futuras pesquisas e de contribuírem para aumentar o fator de impacto do periódico.

Como cada publicação tem regras próprias para estruturar o texto e citar referências, a redação do artigo só deve começar após estar definida a revista para a qual ele será submetido. O pesquisador deve ser honesto ao avaliar o grau de relevância e novidade da pesquisa e escolher um periódico com fator de impacto compatível.

O pesquisador deve ainda considerar fatores como o perfil do público a ser atingido, o prestígio da publicação e se ela trabalha com um sistema de acesso aberto ou por assinatura. O acesso aberto permite alcançar um número maior de leitores e, portanto, gera mais citações. Entretanto, também tem um custo muito maior.

Outra dica importante é que um artigo nunca deve ser enviado a mais de um periódico ao mesmo tempo. Por outro lado, se um pesquisador demora muito para publicar suas descobertas, pode ocorrer de outro grupo publicar antes. Recomenda-se, portanto, entrar em contato com o editor caso não haja retorno após seis semanas. Se depois de dois meses ainda não houver resposta, a sugestão seria cancelar formalmente a submissão e só então enviar para outra revista.

Por ser uma decisão difícil de ser tomada, muitos pesquisadores buscam auxílio de empresas especializadas, onde profissionais treinados oferecem serviços de suporte à publicação e oferecem também assistência na seleção de periódicos.

Referências:

Anterior
Minha Experiência com Alguns Periódicos de Alto Fator de Impacto
Próximo
Como Defender uma Dissertação/Tese

Escreva seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *